A verdadeira dimensão do poder do marketing nas redes sociais


Olá a todos que acompanham este blog!


O tema abordado hoje se destaca cada vez mais pela sua importância no marketing tal como adquiriu relevância no cotidiano das pessoas: as redes sociais.


Em meio a tanta informação, novidade e inovação, não podemos deixar de destacar o papel das mídias sociais na sociedade, e consequentemente, nos negócios.


Seja na vida pessoal ou na vida profissional de cada um, o estímulo ao Facebook, Instagram, Sites e Blogs cresceu exponencialmente durante os últimos anos.


Hoje observa-se que este tráfego de pessoas, informação e dados representa uma oportunidade imensa que empresas de todos os tamanhos e segmentos jamais tiveram em toda a história das trocas comerciais, e que graças às redes passam a ter, mas que também já é considerada uma necessidade.


E para entender melhor por que as mídias sociais já podem ser necessárias para empreendedores contemporâneos, apresentarei um breve aprofundamento.


Ao longo dessa história, um elemento sempre esteve presente, a busca pela maximização dos lucros. Não é tão difícil imaginar isso.


A questão é que foi justamente esse objetivo que desenvolveu os estudos do marketing ao longo do tempo, práticas de posicionamento de mercado que tem por fim proporcionar o maior lucro e benefício possível para uma empresa.


Conforme a sociedade, seus hábitos e tecnologias mudam, estratégias de mercado tornam-se obsoletas e outras surgem, mais adequadas ao momento...


E foi Philip Kotler, considerado o pai do Marketing, quem conseguiu definir da forma mais precisa, as diversas fases e formas desse elemento do mundo dos negócios ao longo da história.


Kotler considera que o marketing até este momento já passou por 4 fases. Descrevendo as duas últimas:


No Marketing 3.0, já emergiam as redes sociais como um meio que tornaria possível aos negócios se escalonarem de uma forma jamais vista. Os conteúdos virais, plataformas com milhões de usuários em todos os cantos do país e do mundo, passaram a levar muitas possibilidades para os empreendedores. Mas em um determinado ponto, tudo isso se intensificou.


O Marketing 4.0 é o aprofundamento desse fenômeno, de forma que atualmente, as relações desenvolvidas por meios reais e digitais tornam-se indissociáveis. Uma constatação disso é uma pesquisa feita pela Associação Brasileira de Automação-GS1, a qual diz que 87% dos brasileiros utilizam a internet como meio de compras.


Seja para consultar preços, ler opiniões, ou efetuar a compra, fato é que hoje o consumidor possui em suas mãos uma ferramenta capaz de aproximá-lo dos negócios com presença digital, ainda que estes estejam do outro lado do mundo.


Por outro lado, aquela empresa que não se impõe neste novo ambiente fica mais distante, com uma concorrência maior, que pode estar presente no processo de compra do possível cliente desde os estágios mais iniciais.


Mas o Marketing 4.0 não trouxe somente estas novas condições ao mercado. Com um volume tão grande de informações, o público passa a selecionar apenas o conteúdo mais útil ou agradável, e surge a necessidade de personalizar cada vez mais aquilo que é oferecido/consumido.


Paradoxalmente à digitalização das interações, as pessoas também buscam relações mais humanas e pessoais, que ofereçam uma experiência mais próxima, acolhedora e personalizada.


As opiniões, ações, engajamentos e interesses, tudo isso fica mais evidente com o mundo digital, o consumidor passa a criar vínculo e confiança com as empresas que compartilham os mesmos valores, se engajam com as mesmas causas e sinalizam as mesmas preferências. As empresas passam a ter personalidade.


E é em todo esse contexto que as redes sociais entram como necessidade dentro das operações de uma empresa atual. Trazendo uma infinidade de ferramentas intrinsecamente ligadas ao novo marketing.


Não só isso, elas também podem complementar outras estratégias que surgiram neste cenário, como o marketing de influência e o marketing de conteúdo.


Este último, caracterizado pela criação e divulgação de conteúdo personalizado para o cliente, com artigos de blogs, ebooks e vídeos, ganha nas redes sociais uma grande oportunidade enorme de exposição e consequente viralização. Existem grandes nomes desse mercado, como Paulo Cuenca, João Castanheira, dentre outros, que mostram as possibilidades proporcionadas por isso.


Nesse sentido, destacamos que através das mídias sociais é possível:


· Atingir públicos muito maiores e mais específicos, sabendo direcionar suas ações de marketing para eles e assim obter grande sucesso na venda seu produto ou serviço.


· Engajar o consumidor e aproximá-lo da marca, de forma a propiciar compras.


· Criar uma personalidade e propagar uma identidade visual marcante para a empresa, com as quais o público possa criar vínculo.


· Analisar diversos dados proporcionados pelas redes, que mostram tendências, preferências, e o perfil do público-alvo, ajudando a criar ações de marketing direcionadas e efetivas.


Dessa forma, existem muitas medidas que podem ser adotadas desde já por uma empresa para entrar em conformidade com as práticas do marketing 4.0. Partindo para uma abordagem prática, aqui vão as principais funcionalidades, dicas e estratégias aplicadas em algumas redes sociais de grande adesão do público:


Facebook


Uma rede social que tinha 2,6 bilhões de usuários ativos no ano passado, a qual alega que 99% dos seus usuários afirmam que leem as publicações das marcas na plataforma.


O Facebook, através da sua lógica dos compartilhamentos, comentários e curtidas, foi a rede que mostrou ao mundo o impressionante fenômeno da viralização de conteúdo.


Mas no meio de tanto conteúdo exposto, verdade que muitos itens perdem relevância no feed de um usuário, portanto, aqui o segredo está em entregar o conteúdo de uma forma que capte a atenção do leitor. Por exemplo:


· Atualmente, sabe-se que postagens com imagens nesta rede social possuem em média 53% mais interações do que postagens baseadas apenas em texto. Não é difícil constatar que estímulos visuais dão destaque a um determinado conteúdo, por isso, capriche na arte das publicações!


· Existem certas palavras e conceitos que despertam as mais instintivas e naturais emoções e sensações nas pessoas, os chamados gatilhos mentais. São muitos, como os de escassez, curiosidade, confiança, polêmica, dentre tantos outros...


Vale a pena pesquisar detalhadamente sobre estes gatilhos, pois são extremamente eficazes para despertar a atenção do leitor para aquilo que você tem a oferecer quando bem utilizados!


Sob outro aspecto, o Facebook vem adotando cada vez mais medidas nos últimos anos para atrair negócios para o seu ecossistema.


Com o Facebook Shops, a plataforma permite que páginas comerciais que atendam aos seus requisitos criem catálogos e uma loja dentro desta rede, com a finalização da compra dentro ou fora dela, de acordo com a preferência do empreendedor, mais uma possibilidade a se levar em consideração.


Tudo isso, são técnicas e artifícios gratuitos que podem ser utilizados para trazer mais resultado para as redes da sua empresa.


E para aqueles que desejam investir uma determinada quantia, e impulsionar o marketing digital com tráfego pago, a rede social conta com o Facebook Ads como sua plataforma de anúncios.


O custo destes anúncios é dado por lances que fecham um preço com base em cliques ou impressões. Por isso, é importante estruturar uma campanha baseada em dados, de forma que seja efetiva.


Nesse contexto, o Audience Insights, ferramenta oferecida pela plataforma, permite que o empreendedor entenda melhor seu público-alvo, de forma a ganhar esta eficiência.


Instagram


Outra rede social pertencente ao Facebook, com 1 bilhão de usuários em 2018, o Instagram ultrapassou em 2019 a sua dona em termos de engajamento, tornando-se a maior nesse quesito.


Além disso, uma das principais características da sua comunidade é a massiva adesão do público jovem, tendo 71% dos seus usuários menos de 35 anos (Statista, 2018).


Esta rede é baseada na publicação de imagens e vídeos que contam com legendas. Sendo as mídias as protagonistas e exigência da plataforma para cada publicação, é fundamental desenvolver uma identidade visual interessante para a sua marca, a qual esteja presente neste conteúdo.


Seja se você trabalha com produtos físicos ou criação de conteúdo digital, esta é uma questão importante.


Uma técnica interessante relacionada a isso e que se popularizou nos últimos tempos é a padronização das publicações de forma a criar um mosaico, visualmente agradável para quem acessa o perfil.


Existem aplicativos que podem ser utilizados de maneira gratuita para criar esta identidade, como o Canva, ferramenta que permite fazer artes para o Instagram de uma maneira fácil, intuitiva, e com qualidade.


Por outro lado, no caso de uma página que trabalha com produtos físicos, o foco é mostrar a qualidade e a aceitação do produto pelo público e seu uso em situações reais, por isso é vantajoso investir em uma câmera e em fotos profissionais que transpareçam estas características.


Inclusive, nesse caso, os que possuem um catálogo no Facebook e uma conta aprovada no Compras para Instagram, ganham a funcionalidade de marcar produtos nas publicações, tal como se marca pessoas, dessa forma, atribuindo uma página ao produto, externa às redes sociais ou interna, que pode ser acessada imediatamente ao clicar em um dos produtos dentro da imagem.


Mas os diferenciais do Instagram não se resumem somente a isso...


A rede criou uma funcionalidade de publicações momentâneas, de curta duração, que desaparecem 24 horas depois de publicadas. Elas são exibidas uma após a outra em uma seção exclusiva da plataforma. São chamadas de Stories.


Dada a aceitação desse formato pelo público, outras redes tentaram adotar este sistema, mas nenhuma foi tão bem sucedida quanto o Instagram.


Os stories são perfeitos para ações mais espontâneas e próximas ao público, e as respostas enviadas diretamente também tornam mais propícia a interação e o engajamento.


Além desta inovadora funcionalidade, o Instagram também conta com uma aba de conteúdos relevantes para o usuário, opção por seguir hashtags e em breve, a plataforma também irá disponibilizar no Brasil a pesquisa por palavras-chave.


Por isso, para facilitar a difusão do conteúdo, procure pelas palavras-chave mais comuns para o tema e utilize-as de forma coerente com o texto da legenda. Também não se esqueça de colocar as hashtags pertinentes mais populares nos comentários!


E falando em difusão, além dos anúncios, que funcionam pelo mesmo sistema do Facebook (Facebook Ads), estratégias como sorteios e o impulsionamento por marketing de influência (feito com perfis de grande relevância para o público-alvo divulgando a marca) são de extrema eficácia no Instagram.


Dadas as características já citadas dos stories, as pessoas sentem-se mais à vontade para divulgar (sorteios), e tendem a confiar mais no conteúdo espontâneo dos seus influenciadores favoritos (marketing de influência).


Perceba como os conceitos de marketing 4.0 são aplicados nesta última estratégia, apesar do processo digital de pesquisa, interesse e compra, o cliente busca por identificação com experiências reais e pessoas que se pareçam com elas, o famoso termo: “gente como a gente”.


Outro ponto interessante, o Instagram possui uma aba de fácil acesso com informações sobre o público da sua conta. Clicando na seção do perfil, e depois em “informações” em uma conta profissional, constam dados sobre faixa etária, gênero, localização e períodos mais usuais de acesso dos usuários.


Tudo isso facilita o direcionamento das ações, estabelecendo uma linguagem e tom adequados, proporcionando o conteúdo mais alinhado nos melhores dias e horários para postagens.


LinkedIn


A rede social das relações profissionais, o LinkedIn é parte fundamental da estratégia de marketing digital de empresas que negociam com outras empresas, e não com clientes finais, as chamadas b2b (do inglês Business to business).


Tanto que mais de 50% do tráfego proveniente de mídias sociais para sites de empresas b2b vem do LinkedIn. Não só isso, 79% dos profissionais de marketing deste tipo de mercado enxergam esta rede como uma fonte eficaz de geração de leads, que são aquele público que ao se engajar e ingressar no ecossistema da empresa, torna-se um possível cliente.


E partindo para as características da plataforma, na qual o Brasil é o quarto país com mais usuários segundo a Omnicore Agency, alguns aspectos não se diferem muito em relação a outras.


Imagens e gatilhos mentais continuam sendo atrativos ao público. Pois saber chamar a atenção do público e se comunicar é importante em qualquer ambiente em que outros concorrem por este recurso.


Mas o LinkedIn, com a peculiaridade de uma mídia social onde os usuários buscam mostrar seu valor profissional e procuram por conteúdo interessante que proporcione insights valiosos, necessita de um diferencial.


Ao contrário do que se pensa, o LinkedIn não é somente um curricullum online.


Um perfil de sucesso agrega valor por meio de suas postagens. E na medida em que este perfil ideal irá mostrará suas conquistas, também compartilhará algum conhecimento que mostre o que a empresa tem a oferecer.


Conclusão


As redes sociais, como se pode ver, abrem inúmeras possibilidades para uma empresa. Seguindo uma estratégia coerente de marketing digital, com custos baixos e eficiência, é possível expandir o público consumidor de qualquer empresa, e de inúmeras formas.


Além das mídias sociais, existem ainda outros componentes que podem ser integrados a estratégia de um empreendimento, como blog, site institucional, landing pages, marketplaces e e-commerce. Tudo depende das necessidades da empresa e do tipo de abordagem a qual seria aplicada melhor a ela.


O marketing digital é uma área complexa. Por isso, não é somente com um texto de blog que dá para aprender tudo sobre isso. Mas é justamente por essa característica, que este recurso pode ser útil em tantos contextos diferentes.


De qualquer forma, espero ter proporcionado valiosas dicas a você!


Com isso, me despeço por aqui. Obrigado pela audiência! Caso tenha gostado deste texto, te convido a acessar o nosso blog para acessar mais conteúdo como esse, e ainda inscrever-se na nossa lista de e-mails, para saber o que está por vir, e saber exatamente quando novos conhecimentos estiverem disponíveis por aqui!


E se você deseja pedir um diagnóstico gratuito, conversar sobre este tema e revolucionar o marketing da sua empresa, seja bem vindo para entrar em contato conosco no nosso site!